ATUALIZANDO A DISCOTECA: The Bad Larrys, “HODAD’S” (2018)

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

 

The Bad Larrys
The Bad Larrys: “Hodads” (2018, Space Bladder Punch Rocket) NOTA:8,5

Oriundos da Philadelphia, o The Bad Larrys é um quinteto que investe muma proposta vintage de rock n’ roll. Caminhando por vias menos movimentadas dentro da cena atual, podemos dizer que eles revivem as “origens” do gênero.

Deixando de lado o hard rock  europeu ou o classic rock de Black Sabbath e Thin Lizzy, mesclam referências de surf music com proto-punk, resultando numa sonoridade que vai além do adjetivo “curioso”.

Ou seja, temos melodias e arpejos rápidos entremeados a rústicos momentos de energia e agressividade. Dando estética a essa estrutura do The Bad Larrys temos timbragens fuzzeadas, cheias de psicodelia, entre a chapação do stoner rock e o despojamento do garage rock,  em  músicas bem produzidas entre os três e quatro minutos.

Essas texturas podem ser vistas em composições como “Deep Space Radio” (com psicodelia pop), “Barrell Roll Pitted” (renovando os ensinamentos de Dick Dale),  “Fired in the Morning” (um proto-punk inflamado) e “7 Foot Vultures” (mescando o bluespower pop sessentista), fatalmente as melhores do trabalho.

Algo por aqui chega a lembrar o universo musical da banda Man or Astroman, ao mesmo tempo que remetem a Artic Monkeys e um pouco de Strokes (em “Like You Anyway”). Todavia, possuem personalidade própria, principalmente nos teclados em segundo plano.

Se o The Doors se fundisse ao Beach Boys usando o Mudhoney como estabilizador da fórmula certamente teríamos algo como o praticado pelo The Bad Larrys. Tudo bem, é uma equação exagerada, mas é o mais próximo que consigo imaginar para descrever a sonoridade deste primeiro disco da banda.

Assista o clipe de “Deep Space Radio”…

 

Confira o álbum na íntegra, via Bandcamp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *